Gilles de Staal

França

Gilles de Staal nasceu em Paris em 1948. Formou-se jornalista e, desde 1966 até o fim dos anos 1980, esta foi sua principal atividade. Cobriu diversos movimentos políticos, sociais e culturais na Europa mediterrânea, no Brasil e na Argentina. Participou da criação de vários periódicos, entre eles Rouge (1968), politique hebdo (1973), e Révolution! (1971), do qual foi editor de 74 a 78. Morou no Brasil de 79 a 82, quando trabalhou no teatro Oficina editando suas publicações. Fez também parte da equipe de construção do filme O Rei da Vela. Em 1983, de volta a Paris, participou da fundação da CFD (escola de jornalismo e produção gráfica), e foi responsável  pelo ensino de Jornalismo até 1987. Em 1987, participou da fundação do semanal Politis, do qual foi diretor artístico até 1989. A partir desse ano, se afastou da impresa e passou a se dedicar ao desenho artístico. Foi colaborador do Le Monde Diplomatique e correspondente internacionao do L’Humanité (I1998 – 2003), e publicou diversos artigos em revistas críticas como Lignes, La Revue d’Etudes palestiniennes, Hermaphrodite etc. Desde 1995 se dedica quase exclusivamente à pintura.

Deixe um Comentário