“Dialética da Malandragem”, de Antonio Candido

O discurso e a cidade. São Paulo, Duas Cidades, 1993.

Tags: ,

Deixe um Comentário